SEJA BEM VINDO SEMPRE!

Olá! Que a Paz de Cristo reine em teu coração! É um grande prazer receber você em minha página. Espero que edifique sua vida e que você indique este blog às outras pessoas! Abraço.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

LEMBRANÇAS DO VERDADEIRO NATAL...


Saudades daqueles dias de Natal...

Eram dias, sentimentos, atitudes e comemorações diferentes!

Lembro-me das comemorações na igreja. O pastor anunciava festivamente e com dias de antecedência as apresentações das peças natalinas. Eram muitas... As pessoas envolviam-se prazerosamente. Havia imensa expectativa pelas representações e pelos papéis que deveriam ser distribuídos a cada pessoa. Eram dias maravilhosos. Lembro-me de ouvir inúmeras mensagens sobre o nascimento do Salvador. Enquanto criança pude conhecer a história e toda a trajetória profética do aparecimento do Cristo. As crianças de minha época sequer piscavam os olhos atentas a cada detalhe narrado pelas professoras da Escola Bíblica Dominical e mais ainda diante dos maravilhosos figurinos utilizados pelos participantes das peças... Eram tantas! Lembro-me de algumas: “Estrela de Belém”, “As belemitas”, “Os três reis magos”, “A manjedoura”, etc. E o que dizer das fascinantes poesias de natal?! Havia todo tipo de texto: infantis, juvenis, adultos, textos mais curtos, mais extensos... Ficava extasiado diante da capacidade de algumas pessoas ao memorizarem textos enormes que levavam a igreja ao fascínio e algumas vezes ao delírio espiritual. Alguns literalmente arrancavam lágrimas dos expectadores atentos! Eu mesmo chorei durante muitas apresentações...

Ainda que isto possa soar um tanto simplista e por demais emocional tenho bem vivas em minha memória as reuniões organizadas para as ceias de natal nas casas de irmãos e amigos da igreja. Meus pais preparavam-se com dias de antecedência. Havia muita expectativa e envolvimento com o tema natalino. Eram sempre ceias comunitárias... Todos traziam alguma coisa, e, em geral, o anfitrião era responsável pela maior parte das iguarias e delícias de natal. Mas havia algo extremamente interessante: lembro-me das orações realizadas antes de cada refeição, onde era expressada claramente a gratidão pelo nascimento e por toda a missão do Senhor Jesus Cristo para nossa salvação! Por incrível que pareça, não tenho lembranças de árvores de natal, nem da preocupação com os presentes e muito menos da frieza com que as pessoas em geral tratam a questão espiritual do natal atualmente. Eu ouvia falar em Papai Noel. Alguns até chegavam de helicóptero na cidade, mas fui educado de forma a não me importar com a figura do bom velhinho. Infelizmente existe uma única verdade que cerca o natal nos dias de hoje, para a maioria das pessoas e, tristemente, inclusive grande parte dos religiosos: o consumismo. O natal tem se resumido em consumismo, materialismo, festas, bebidas e comilanças. É apenas um feriado onde as pessoas se reúnem para comer guloseimas, carne assada e se divertir. Perdemos o romantismo do natal. Quase não se ouve a canção “Noite de Paz” nas igrejas... A trilha tem sido usada apenas para campanhas promocionais envolvendo comerciais de rádio e televisão e alguns carros de som nas ruas. Quando ouvimos o tema nas ruas sabemos que logo em seguida surgirá uma voz anunciando boas ofertas e campanhas que oferecem prêmios.

É muito difícil ouvir essa trilha associada a alguma voz que anuncia o Cristo. O Jesus do natal está esquecido, relegado ao segundo plano e tornou-se apenas uma vaga lembrança para alguns nos tempos das “boas festas”. Devo dizer que ainda penso no Senhor Jesus, e, no tempo do natal sinto ainda mais desejo de falar sobre ele e especialmente sobre o que o seu nascimento representou e representa para a humanidade. Cristo é meu bem maior, é o meu Salvador, o meu Redentor, é meu amigo melhor!

"Ela dará à luz um filho e lhe porás o nome de Jesus, porque ele salvará o seu povo dos pecados deles. Eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho, e ele será chamado pelo nome de Emanuel (que quer dizer: Deus conosco)." (Mateus 1: 21, 23 - ARA)






Pr. Jesiel Freitas

sábado, 18 de dezembro de 2010

JUBILEU DE OURO DA AD ILHA DOS VALADARES EM PARANAGUÁ


Normalmente os textos que relatam minhas viagens são produzidos pela equipe do Ministério Palavra no Altar, mas excepcionalmente hoje resolvi fazer isto pessoalmente. Não poderia deixar de comentar a viagem ministerial que fiz no final de semana anterior à cidade de Paranaguá/PR, onde fui convidado mais uma vez para ministrar a Palavra de Deus, ao que prontamente atendi com muita alegria. Desta vez minha responsabilidade era ministrar nas festividades do Jubileu de Ouro da Igreja Assembléia de Deus, congregação da Ilha dos Valadares, onde vivem aproximadamente 30.000 pessoas. Um lugar interessante... Separado do continente pelas águas do Rio Itiberê e cercada pelas águas do mar, a única ligação com terra continental é feita através de uma passarela originalmente construída apenas para travessia de pedestres. Posteriormente a ponte foi reforçada com algumas pilastras para possibilitar a limitada passagem de veículos da polícia, viaturas do corpo de bombeiros ou ambulâncias que possam socorrer moradores. A passagem é estreita e enquanto os poucos veículos que passam precisam comunicar os policiais que fiscalizam a cabeceira e seguir em velocidade inferior a 20 Km/h e pisca alerta ligado, motociclistas precisam descer e empurrar as motocicletas que seguem com motor ligado para evitar o esforço dos que fazem a travessia. A única forma corrente de entrar com carro na ilha é através de uma balsa que faz diversas travessias durante o dia, interrompendo o serviço durante a noite e em situações de chuvas ou ventos. É preciso pagar R$ 5,00 para usufruir do serviço.O mais interessante é que devido ao costume de quase não se usar veículos na ilha, os motoristas precisam ser pacientes e educados para trafegar entre moradores que caminham tranquilamente pelas ruas sem se preocupar com a presença dos carros. Crianças brincam tranquilamente pelas ruas e vielas estreitas da Ilha dos Valadares.

Mas o que realmente chama atenção dos pregadores e visitantes é a quantidade de pessoas evangélicas na ilha que conta com várias congregações da Assembléia de Deus de Paranaguá e várias outras denominações. A Igreja Assembléia de Deus é uma das mais antigas da região e no próximo ano o Círculo de Oração estará completando 50 anos de atividades. Fui recebido carinhosamente pelos irmãos que são calorosos com os visitantes. No domingo à tarde fui presenteado com um passeio de voadeira (pequeno barco a motor) pelas águas do Rio Itiberê e pelo mar nas proximidades da costa, especialmente no Porto de Paranaguá. A cortesia foi do Evangelista Leocádio, vice-dirigente da igreja na ilha. Um homem amoroso, íntegro e extremamente cortêz e educado. Nas duas noites houve tremendas manifestações de Deus através da Palavra. No sábado ministrei sobre o tema da festividade, focado no arrebatamento da igreja e no domingo à noite falei sobre a inauguração do novo templo com base no templo de Salomão. A receptividade a Palavra foi maravilhosa e houve grande derramamento do Espírito Santo entre os presentes. Nos dois dias esteve responsável pelo louvor a cantora Priscila Sales e seu esposo irmão Oziel de Barueri/SP. A cantora Priscila Sales chama atenção especialmente por executar um instrumento raramente visto e ouvido, a harpa.

Quero deixar registrada aquí minha sincera gratidão pelo tratamento recebido dos irmãos que foram respeitosos, educados e demonstraram muito amor por minha pessoa. Impossível esquecer a culinária da irmã Odete, que juntamente com seu esposo, irmão Josino, recebeu-me festivamente em sua residência demonstrando hospitalidade rara nos humanos dos dias atuais. Deus continue abençoando o ministério do amado Pr. Jessé, sua digna esposa irmã Zélia e seus filhos. Você confere imagens feitas na igreja e no passeio pelas redondezas da Ilha dos Valadares. As fotos foram feitas por mim (externas) e pelo Pb. Jéferson Granza (durante os cultos).






















Pr. Jesiel Freitas

Ministério Palavra no Altar

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

SEMINÁRIO DA FAMÍLIA NA ADBR CATANDUVA (Imagens)


Foi uma bênção o Seminário da Família na Assembléia de Deus Ministério do Bom Retiro em Catanduva nessa quarta-feira. O Pr. Jesiel Freitas ministrou a palavra com base em Mateus 24: 43 e falou sobre coisas que Satanás está roubando das famílias e que precisamos tomar de volta. Num clima intimista e descontraído e num ambiente totalmente familiar, discorreu sobre coisas práticas da convivência familiar e as necessidades da família no mundo moderno. Abordou coisas simples do cotidiano e que passam desapercebidas aos olhos dos distraídos. Houve um clima misto de alegria, descontração, risos, quebrantamento espiritual e lágrimas dos ouvintes. Ao final da palestra pais, filhos e cônjuges se abraçaram diante do altar, e, em lágrimas receberam a oração da família. Cerca de 500 pessoas participaram da palestra. O Seminário da Família continua nas próximas quartas-feiras com outros palestrantes que serão anunciados pela organização do evento.



Related Posts with Thumbnails

Faça parte de nosso ministério!

Faça parte de nosso ministério!